Ao Vivo
 
 
Siga ao vivo

Igreja

Assembleia da CNBB vai aprofundar o caminho de formação dos padres brasileiros

Assembleia da CNBB vai aprofundar o caminho de formação dos padres brasileiros

De 11 a 20 de abril, acontece a 56ª Assembleia Geral dos Bispos em Aparecida (SP). De acordo com o Bispo Auxiliar de Brasília (DF) e Secretário-Geral da CNBB, Dom Leonardo Ulrich Steiner, que será substituído nos trabalhos da Assembleia Geral deste ano por um secretário ad hoc. O objetivo da AG é atualizar as diretrizes em vigor, aprovadas em 2010, por ocasião da 48ª Assembleia Geral da CNBB. “Essa atualização é motivada especialmente pelo magistério do Papa Francisco e pela publicação pela Congregação para o Clero do documento, ‘O dom da vocação presbiteral’, que constitui a chamada Ratio Fundamentalis Institutionis Sacerdotalis”, afirma Dom Leonardo. O encontro vai tratar ainda de outros temas e de problemas da vida das pessoas e da sociedade sempre na perspectiva da evangelização. A abertura oficial da 56ª Assembleia Geral acontecerá no dia 11 de abril, das 9h15 às 10h (aberta à imprensa), no Centro de Eventos padre Vítor Coelho de Almeida, no Santuário Nacional. Os trabalhos dos bispos durante a assembleia começam com a missa diária no Santuário Nacional com laudes, sessões pela manhã e à tarde; no final de semana acontece o retiro dos bispos. SERVIÇO 56ª Assembleia dos Bispos do Brasil Tema: Diretrizes para a Formação de Presbíteros  Data: 11 a 20 de abril de 2018 Local: Centro de Eventos Pe. Vítor Coelho de Almeida do Santuário Nacional de Aparecida-SP Contatos: Pe. Rafael Vieira e Willian Bonfim Fone: 12 3104 3107 e 61 2103 8313 Fonte: Rede Católica de Rádio
O encontro do cardeal Sérgio da Rocha com o Papa Francisco

O encontro do cardeal Sérgio da Rocha com o Papa Francisco

"O Papa Francisco sempre demonstra um amor imenso pelo Brasil, pela Igreja no Brasil, pelo povo brasileiro". Palavras do presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), Dom Sérgio da Rocha, depois do encontro com o Papa Francisco na última sexta-feira. O cardeal arcebispo de Brasília falou com o Santo Padre, entre outros, sobre a missão da Igreja no Brasil hoje, da qual foram ressaltados três aspectos: a necessidade de avançar sempre mais,  na fidelidade à missão da Igreja; caminhar unidos na oração como Igreja,  para superar os desafios pastorais e outros problemas da realidade brasileira e a esperança colocada em Cristo. O Sínodo dos jovens, do qual Dom Sérgio foi nomeado pelo Santo Padre para a secretaria geral, também esteve na pauta do encontro. Francisco insiste que devemos ouvir os jovens, acolhendo a sua pluralidade, revela o arcebispo de Brasília. O Sínodo da Amazônia foi outro tema candente na entrevista, assim como o desafio da formação permanente e integral dos presbíteros, a ação evangelizadora da Igreja, o cultivo da vida fraterna. Fonte: Vatican News